quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

Vigiai na oração

 

Vigiai na oração

- Nesta noite, enquanto a maior parte dos Meus filhos passa as últimas horas do ano em divertimentos e na dissipação, vigiai comigo, Meus prediletos, no Silêncio e na Oração mais intensa.

Oração de Agradecimento:

- Por todas as graças que, neste período de tempo, vos foram dadas pelo Pai, no Espírito Santo, por meio do Meu Filho Jesus e através da contínua intercessão do Meu Coração Imaculado.

- Este mundo está nas mãos do Meu adversário, que o domina com o seu espírito de Soberba e de Rebelião, conduzindo um imenso número de filhos de Deus pelo caminho do prazer, do pecado, da desobediência a Lei de Deus, no desprezo da Sua Vontade.

- Este mundo, encontra-se mergulhado na noite mais profunda e não há inicio de ano que consiga dissipar as Grandes Trevas em que caminha.

- Este mundo foi criado para a Gloria do Pai,

foi redimido e salvo pelo Filho e

é continuamente transformado pela ação do Espírito Santo.

- Nada pode resistir a força do Amor Misericordioso de Deus, que quer transformar este pobre mundo numa Nova Criação.

- Por isso tornar-se-ão cada vez mais numerosas, extraordinárias e miraculosas as intervenções do Meu Coração Imaculado.

- Por isso, agradecei comigo a Santíssima Trindade, que Se serve de Mim -Sua pequena Serva- para levar toda a criação a Perfeita Glorificação de Deus.

[“Senhor, sou teu servo, filho de Sua Serva”. (Lc 1,38; Sab 9,5; Sl 85,16; Sl 115,16; msm31.12.82)]

Oração de súplica:

- Para obter do Coração Misericordioso de Jesus dias de Paz e não de aflição, de serenidade e não de desventura.

- O perigo duma nova guerra torna-se real.

- Sob a aparência de frágeis promessas de entendimento, preparam-se os mais refinados meios de morte e a humanidade é conduzida pelo caminho do ódio e da sua própria destruição.

- Que a vossa Oração obtenha para todos a Graça que leve a derrota do pecado; a concórdia, que faça calar a violência e o terror, de modo que possa chegar finalmente a vós a Paz Universal na verdade e na justiça.

- É preciso um Grande Milagre; é preciso arrancar com a força da Oração este Milagre da Divina Misericórdia.

- Só assim poderá chegar a vós a salvação.

Oração de reparação:

- Porque a taça da Justiça Divina está cheia, mais que cheia, transbordando.

- Olhai como o ódio e o pecado se alastram.

- Hoje, grande parte dos homens já não observa os Dez Mandamentos do Senhor.

- O vosso Deus é publicamente ignorado, negado, ofendido e blasfemado.

- O Dia do Senhor é cada vez mais profanado.

- Todos os dias se atenta contra a vida.

- Todos os anos são assassinadas no mundo dezenas de milhões de crianças inocentes no seio das mães e aumenta o número de homicídios, das violências, dos roubos e dos sequestros.

- A Imoralidade se alastra como um dilúvio de lama e é publicitada pelos meios de comunicação social, especialmente pelo cinema, pela imprensa e pela televisão.

- Por meio desta última entra em cada família uma tática sútil e diabólica de sedução e corrupção.

- As vitimas mais indefesas são as crianças e os jovens, para os quais olho com preocupada ternura de Mãe.

- Só uma poderosa força de Oração e de Penitência Reparadora poderá salvar o mundo de tudo aquilo que a Justiça de Deus preparou por causa da sua obstinada recusa em acolher todos os convites ao arrependimento.

- Escutai, ao menos agora, a voz da vossa Mãe Celeste.

- Preciso de muita Oração Reparadora e de sofrimento oferecido com Fé.

- Rezai sempre o vosso Terço.

- Vivei comigo, na Confiança e no Temor, porque se preparam horas decisivas que podem marcar o destino de toda a humanidade.

- Abençoo-vos em Nome do Pai, do Filho e do Espírito santo.

MSM-Movimento Sacerdotal Mariano / Padre Stefano Gobbi / 31.12.82

Clique aqui e veja também:

Sinais do vosso tempo

Convertei-vos

Tática do adversário de Deus

“Senhor, que vosso Amor, Sofrimento e Sangue derramado,

não tenha sido em vão pelas nossas almas e

pelas almas dos Vossos Sacerdotes, Filhos Prediletos de Nossa Senhora.”

“Senhor, sou teu servo, filho de Tua Serva.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário