segunda-feira, 18 de abril de 2022

A Besta Semelhante a Um Cordeiro


A Besta semelhante a um Cordeiro

Dongo | Itália.

Aniversário da 2ª aparição em Fátima.

- Filhos prediletos,

hoje recordais a Minha Segunda Aparição na Pobre Cova da Iria,

em Fátima,

a 13 de junho de 1917.

- Já vos tinha predito,

desde então,

tudo o que estais vivendo Nestes Tempos.

- Anunciei-vos a Grande Luta entre Mim,

a Mulher vestida de Sol,

e o enorme Dragão Vermelho,

que levou a humanidade a Viver sem Deus (Ap 12, 1-6).

- Predisse-vos também

o Astucioso e Tenebroso trabalho realizado pela Maçonaria,

para vos afastar da Observância da Lei de Deus

e vos tornar assim Vitimas dos Pecados e Vícios.

- Como Mãe,

vos quis advertir sobretudo

do Grande Perigo que ameaça hoje a Igreja,

devido aos muitos Ataques Diabólicos

que se fazem contra ela para a destruir.

- Para atingir este objetivo,

vem da terra,

para ajudar a Besta Negra que se levanta do mar,

uma Besta com Dois Chifres Semelhantes aos de um Cordeiro (Ap 13, 11-18)

O Cordeiro

- O Cordeiro,

na Sagrada Escritura,

sempre foi o Símbolo do Sacrifício.

- Na noite do Êxodo,

o Cordeiro é Sacrificado e,

com o Seu Sangue,

são aspergidos os umbrais das casas dos Hebreus

para os Subtrair do Castigo,

que atinge,

ao contrário,

todos os Egípcios.

- A Páscoa Hebraica

recorda este fato todos os anos

com a Imolação de um Cordeiro,

que é Sacrificado e Consumido.

- No Calvário,

Jesus Cristo Se Imola

pela Redenção da Humanidade.

- Ele mesmo Se faz a Nossa Páscoa,

tornando-Se o verdadeiro

Cordeiro de Deus que tira todos os Pecados do mundo.

Os Dois Chifres

- A Besta tem na Cabeça Dois Chifres semelhantes aos de um Cordeiro (Apocalipse 13,11).

- Ao Símbolo do Sacrifício

está intimamente unido ao do Sacerdócio,

representado pelos Dois Chifres.

- No Antigo Testamento

o Sumo Sacerdote usava um turbante com um Diadema

em forma de Dois Chifres.

- Na Igreja,

a mitra – com Dois Chifres - é usada pelos Bispos,

para indicar a Plenitude do Seu Sacerdócio.

- A Besta Negra semelhante a uma Pantera indica a:

Maçonaria.

A Besta semelhante a um Cordeiro

- A Besta com Dois Chifres semelhante a um Cordeiro indica a:

Maçonaria Infiltrada no Interior da Igreja,

isto é,

a Maçonaria Eclesiástica,

que se difundiu sobretudo entre os Membros da Hierarquia.

- Esta Infiltração Maçônica no Interior da Igreja

já vos tinha sido profetizada por Mim em Fátima,

quando vos anunciei que Satanás se introduziria até o Vértice da Igreja.

A perdição das almas e a destruição da Igreja

- Se a Tarefa da Maçonaria é conduzir as almas a perdição,

levando-as ao Culto de Falsas Divindades,

o Objetivo da Maçonaria Eclesiástica é antes Destruir Cristo e a Sua Igreja,

construindo um Novo Ídolo,

isto é,

um Falso Cristo e

uma Falsa Igreja.

Jesus é

- Jesus Cristo:

é o Filho de Deus Vivo,

é o Verbo Encarnado,

é Verdadeiro Deus e Verdadeiro Homem

porque Une na Sua Pessoa Divina

a Natureza Humana e

a Natureza Divina.

- Jesus,

no Evangelho,

deu de Si Mesmo a Sua definição mais completa,

dizendo ser:

a Verdade,

o Caminho e

a Vida.

Jesus é a Verdade

- Jesus é a Verdade porque

nos revela o Pai,

nos diz a Sua Palavra Definitiva,

levando toda a Revelação Divina

ao Seu Perfeito Cumprimento.

Jesus é a Vida

- Jesus é a Vida porque

nos dá a Própria Vida Divina,

através da Graça,

por Ele merecida com a Redenção,

e Institui os Sacramentos como meios eficazes

através dos quais é Comunicada a Graça.

Jesus é o Caminho

- Jesus é o Caminho

que conduz ao Pai por Meio do Evangelho,

que Ele nos deu como Caminho a percorrer

para chegar a Salvação.

Jesus é a Verdade

- Jesus é a Verdade, porque Ele – Palavra Viva -

é a Fonte e o Selo de toda a Revelação Divina.

- Então a Maçonaria Eclesiástica age

de maneira a Obscurecer a Sua Palavra Divina

por meio de Interpretações Naturais e Racionais e,

na tentativa de a tornar mais Compreensiva e Acolhida,

esvazia-a de todo o Seu Conteúdo Sobrenatural.

- É assim que se Difundem os Erros

em toda a parte da Própria Igreja Católica.

- É devido a Difusão destes Erros

que muitos se afastam hoje em dia da Verdadeira Fé,

cumprindo-se assim a Profecia que vos fiz em Fátima:

“Virão Tempos em que muitos perderão a Verdadeira Fé.”

- Ora,

a Perda da Fé é Apostasia.

- A Maçonaria Eclesiástica age

de modo Astucioso e Diabólico

para conduzir todos a Apostasia.

Jesus é a Vida

- Jesus é a Vida porque dá a Graça.

- É o objetivo da Maçonaria Eclesiástica justificar o Pecado,

apresenta-lo já não como um mal,

mas como um valor e um bem.

- Assim,

aconselha-se a cometê-lo

como um modo de satisfazer as exigências da Própria Natureza,

destruindo a raiz da qual pode nascer o Arrependimento,

dizendo-se que já não é necessário confessa-lo.

- Fruto Pernicioso deste Maldito Câncer,

que se difundiu por toda a Igreja,

é o desaparecimento da Confissão Individual em toda a parte.

- As almas são levadas a viver no Pecado,

recusando o Dom da Vida que Jesus nos ofereceu.

Jesus é o Caminho

- Jesus é o Caminho que conduz ao Pai,

por meio do Evangelho.

- A Maçonaria Eclesiástica favorece as Exegeses

que dão Interpretações Racionalistas e Naturais do Evangelho,

por meio da aplicação dos vários gêneros literários,

despedaçando-o assim em todas as suas partes.

- No fim,

chega-se até o ponto de Negar a Realidade Histórica

dos Milagres

e da Sua Ressurreição

e põe-se em dúvida

a própria Divindade de Jesus

e a Sua Missão Salvadora.

- Depois de ter Destruído o Cristo Histórico,

a Besta com Dois Chifres semelhantes a um Cordeiro

procura destruir o Cristo Místico que é a Igreja.

- A Igreja Instituída por Cristo é uma só:

A Igreja Santa, Católica, Apostólica, Una, fundada sobre Pedro.

- Tal como Jesus,

também a Igreja Fundada por Ele,

que Forma o Seu Corpo Místico,

é Verdade,

é Vida

e Caminho.

A Igreja é Verdade

- A Igreja é Verdade,

porque foi somente a Ela que Jesus confiou a Missão de Guardar,

na Sua Integridade,

todo o Depósito da Fé.

- Confiou-o a Igreja Hierárquica,

isto é,

ao Papa e aos Bispos Unidos a Ele.

O Falso Ecumenismo

- A Maçonaria Eclesiástica procura destruir esta realidade

com o Falso Ecumenismo,

levando a aceitação de todas as Igrejas Cristãs,

afirmando que cada uma delas possui uma parte da verdade.

- Cultiva o projeto de fundar uma Igreja Ecumênica Universal,

formada pela fusão de todas as Confissões Cristãs,

entre as quais a Igreja Católica.

A Igreja é a Vida

- A Igreja é a Vida porque dá a Graça

e só ela possui os Meios Eficazes da Graça,

que são os Sete Sacramentos.

- É vida,

especialmente porque foi só a Ela

que foi dado o Poder de Gerar a Eucaristia,

por meio do Sacerdócio Ministerial e Hierárquico.

- Jesus Cristo está Realmente Presente na Eucaristia

com o Seu Corpo Glorioso e

com a Sua Divindade.

A astúcia da Maçonaria Eclesiástica

- Então a Maçonaria Eclesiástica procura atacar,

através de muitas maneiras astuciosas,

a Piedade Eclesial para com o Sacramento da Eucaristia.

- Desta só valoriza o aspecto da Ceia,

tende a minimizar o Seu Valor Sacrifical

e procura negar

a Presença Real e Pessoal de Jesus nas Hóstias Consagradas.

- É por isso que se foram suprimindo gradualmente

todos os Sinais Exteriores Indicativos da Fé

na Presença Real de Jesus na Eucaristia,

como:

as Genuflexões,

as Horas de Adoração Pública,

o Santo Costume de Rodear o Sacrário de Luzes e de Flores.

A Igreja é Caminho

- A Igreja é Caminho

porque conduz ao Pai,

por meio do Filho,

no Espírito Santo,

pelo Caminho da Perfeita Unidade.

- Assim como o Pai e o Filho são Um Só,

assim também vós deveis ser uma só coisa entre vós.

- Jesus quis que a Sua Igreja fosse

Sinal e Instrumento da Unidade de todo o Gênero Humano.

- A Igreja consegue Permanecer Unida,

porque foi Fundada sobre a Pedra Angular da Sua Unidade, isto é,

sobre Pedro e o Papa que Sucede ao Carisma de Pedro.

A destruição da Unidade na Igreja

- Então a Maçonaria Eclesiástica

procura destruir o Fundamento da Unidade da Igreja,

através do ataque astucioso e insidioso ao Papa.

- Ela tece as Tramas da Discórdia e da Contestação ao Papa;

a) sustenta e premeia aqueles que o Vilipendiam e lhe Desobedecem;

b) difunde as criticas e as oposições a Ele por parte de Bispos e de Teólogos.

- Deste modo,

é Demolido o Próprio Fundamento da Sua Unidade e

assim a Igreja é cada vez mais Despedaçada e Dividida.

Consagrai-vos ao Meu Coração Imaculado

- Filhos prediletos, Convidei-os:

a Consagrar-vos ao Meu Coração Imaculado e

a entrar neste Meu Refúgio Materno,

sobretudo

para Serdes Preservados e Defendidos desta Horrível Insídia.

- Por isso vos Solicitei,

no Ato de Consagração do Meu Movimento,

que renunciásseis a qualquer aspiração a fazer carreira.

- Assim, podeis:

Subtrair-vos a Mais Forte e Perigosa Insídia usada pela Maçonaria

para Associar a Sua Seita Secreta muitos dos Meus filhos prediletos.

Eu vos levo a um Grande Amor a Jesus

- Eu vos levo a um Grande Amor:

a Jesus Verdade,

tornando-vos corajosas Testemunhas de Fé;

a Jesus Vida,

levando-vos a uma Grande Santidade;

a Jesus Caminho,

pedindo-vos que sejais na vida só Evangelho Vivido e Anunciado a Letra.

Conduzo-vos a um Maior Amor a Igreja

- Depois,

Conduzo-vos a um Maior Amor a Igreja.

- Faço-vos Amar a Igreja-Verdade,

tornando-vos Fortes Anunciadores de todas as Verdades da Fé Católica,

ao mesmo tempo que vos opondes,

com Força e Coragem,

a todos os Erros.

- Torno-vos Ministros da Igreja-Vida,

ajudando-vos a Ser Sacerdotes Fiéis e Santos.

- Ponde-vos a Disposição das Necessidades das Almas,

prestai-vos,

com Generosa Abnegação,

para o Ministério da Reconciliação

e sede Chamas Ardentes de Amor e de Zelo

para com Jesus Presente na Eucaristia.

- Volte-se a fazer com frequência,

nas vossas Igrejas,

as Horas de Adoração Pública e de Reparação

ao Santíssimo Sacramento do Altar.

- Transformo-vos em Testemunhas da Igreja- Caminho

e torno-vos Instrumentos Preciosos da Sua Unidade.

- Foi por isso que vos dei

como segundo compromisso do Meu Movimento

uma Particular Unidade ao Papa.

- Por meio do vosso Amor e da vossa Fidelidade,

voltará a Resplandecer em todo o Seu Esplendor

o Desígnio Divino da Perfeita Unidade da Igreja.

O Exército Sacerdotal

- Assim,

a Tenebrosa Força que a Maçonaria Eclesiástica

exerce hoje para destruir Cristo e a Sua Igreja,

Eu oponho com o Forte Esplendor do Meu Exército Sacerdotal e Fiel,

para que Cristo Seja Amado, Escutado e Seguido por todos,

e a Sua Igreja seja cada vez mais Amada, Defendida e Santificada.

- É sobretudo nisto que:

Resplandece a Vitória da Mulher Vestida de Sol

e o Meu Coração Imaculado alcança o seu Luminoso Triunfo.

Texto para acompanhar a Leitura e Meditação do Apocalipse 13, 11-18

MSM-Movimento Sacerdotal Mariano / Padre Stefano Gobbi / 13.06.1989

Clique aqui e veja também:

Ato de Consagração

A Besta semelhante a uma Pantera

A Marca na Fronte e na Mão

O Número da Besta: 666

Os Meus Sinais

 “Senhor, que vosso Amor, Sofrimento, 

Sangue derramado e Morte na Cruz,

não tenha sido em vão pelas nossas almas e

pelas almas dos Vossos Sacerdotes, 

Filhos Prediletos de Nossa Senhora.”

“Senhor, sou teu servo, filho de Tua Serva.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário