terça-feira, 5 de outubro de 2021

O Caminho da Penitência

 

O Caminho da Penitência

1º sábado do mês.

- Filhos prediletos,

segui-Me pelo Caminho da Penitência.

- As armas com que deveis combater a Minha Batalha são:

a Oração e

a Penitência.

- Hoje quero vos indicar o Caminho da Penitência,

que deve ser percorrido por cada um de vós.

Renúncia e Renegação de si mesmo.

- Primeira Etapa:

Renúncia e Renegação de si mesmo.

- É preciso renunciar a si mesmo,

a todos os apegos desordenados e as paixões,

aos desejos desmedidos,

as ambições.

- Mesmo no trabalho Apostólico,

nunca procureis o sucesso,

nem a aprovação humana,

mas amai o escondimento,

o apostolado feito no silêncio,

na humildade,

no cotidiano e

fiel cumprimento do vosso dever.

- É deste modo que se pode mortificar o egoísmo,

que é para vós o maior perigo,

a insídia mais fácil e habitual com que o Meu Adversário tenta impedir o vosso caminho.

- Então, tornar-vos-ei interiormente livres e

será fácil para vós ver,

com clareza,

a Vontade Deus e

vos encontrareis na posição mais apta para cumpri-la com perfeição.

Levar bem a própria cruz.

- Segunda Etapa:

levar bem a própria cruz.

- Esta cruz é constituída pelas dificuldades que se encontram,

quando se quer cumprir a Vontade de Deus,

porque isto exige o empenho

de uma fidelidade cotidiana aos deveres do próprio estado,

a fidelidade em fazer com perfeição

até mesmo as coisas mais pequenas;

em cumprir cada coisa com amor;

em viver cada momento do dia no cumprimento da Vontade Divina.

- Como é preciosa esta Segunda Etapa do Sofrimento,

sobretudo para vós, Meus filhos prediletos.

- Nela sois configurados a Jesus Crucificado e

esta crucifixão interior realiza-se todos os dias,

em cada momento do vosso dia Sacerdotal:

no momento da Oração, tão necessária, e que deve ser o centro de vossa vida;

no momento tão precioso da Celebração da Santa Missa, onde,

juntamente com Jesus, também vós sois Imolados interiormente pela vida do mundo;

na fidelidade aos deveres Sacerdotais próprios do Ministério de cada um;

na evangelização,

na catequese,

no ensino,

no apostolado da caridade;

no encontro com cada pessoa, especialmente

com quem é mais pobre,

com quem está mais só e marginalizado,

com quem se sente repelido e rejeitado por todos.

- No vosso Apostolado Sacerdotal,

nunca procureis comprazer-vos em vós próprios,

nem obter qualquer proveito pessoal:

dai-vos sempre a todos com inexaurível força de amor;

não vos detenha a ingratidão nem a incompreensão;

não vos atrase a indiferença, nem vos canse a falta de correspondência.

- É sobretudo pelo vosso Sofrimento Sacerdotal

que as almas podem ser por vós geradas

para a vida de graça e

para a salvação.

Seguir Jesus rumo ao Calvário

- Terceira Etapa:

seguir o Meu Filho Jesus rumo ao Calvário.

- Durante a Sua Vida,

quantas vezes O encontrava,

com o desejo e com o olhar voltados para Jerusalém,

onde haveria de subir para ser

traído,

capturado,

julgado pelos seus,

condenado,

flagelado,

coroado de espinhos e

crucificado.

- Como desejava Jesus este momento.

- Caminhava sempre para a consumação da Sua Páscoa de Amor e de Imolação por vós.

- Então, também vós, Meus prediletos,

que sois os Seus Sacerdotes,

sois chamados a segui-Lo, cada dia,

para a consumação da vossa imolação pascal pela salvação de todos.

- Nunca desanimeis.

- Hoje,

as vozes de condenação são para vós,

os gritos de quem vos rejeita e vos contesta.

- Os Pecados cometidos,

justificados e não mais reparados

são para vós os Dolorosos Flagelos.

- O Erro que ameaça afastar da fé muitíssimas almas

é para vós a Coroa de Espinhos.

- O permanecer, hoje, fiel a vocação

é percorrer o árduo Caminho do Calvário.

- Os obstáculos que hoje encontrais em permanecer

unidos e obedientes em tudo ao Papa e a Hierarquia a Ele unida,

as incompreensões,

até mesmo da parte dos vossos confrades,

o sentimento de marginalização de que frequentemente estais rodeados,

são para vós as Dolorosas Quedas.

O encontro com a Mãe Dolorosa

- Mas o entregar-se ao Meu Coração Imaculado,

por meio da vossa Consagração é para vós, hoje,

o encontro com a vossa Mãe tão Dolorosa.

- Juntos prossigamos, a partir de agora,

na Perfeita Imitação de Jesus,

que vos convida a segui-Lo no Caminho da Cruz.

- Alguns de vós deverão derramar até o próprio sangue,

no momento conclusivo desta Sangrenta Purificação.

- Filhos prediletos,

eis então indicado o Caminho que deveis percorrer

para chegardes a uma verdadeira experiência de conversão.

- É o Caminho simples e evangélico

que vos foi traçado pelo Meu Filho Jesus, quando vos disse:

“Quem quiser Me seguir,

renuncie a si mesmo,

tome a sua cruz dia após dia e siga-Me”

- É por este Caminho,

Evangélico e Sacerdotal

que a vossa Mãe Celeste vos quer conduzir.

MSM-Movimento Sacerdotal Mariano | Padre Stefano Gobbi | 05.03.1983

Clique aqui e veja também:

Na Hora da vossa morte 

(Invocação que Eu escuto e é sempre atendida por Mim)

A Minha Batalha

Jesus Crucificado é a vossa salvação

Segui-Me pelo Caminho do Meu Filho

“União Intima do Coração de Jesus com o Pai Eterno;

eu me uno a Vós

ao Imaculado Coração de Maria,

a Igreja Militante, Purgante e Triunfante,

para que, neste dia:

as palpitações de meu coração,

minhas ações,

meus pensamentos e meus desejos,

meus sentimentos e meus temperamentos

sejam guiados pelo Amor,

tenham intenções puras, e

sejam banhadas pelo Vosso Sangue Precioso.”

“Senhor, sou teu servo, filho de Tua Serva.”


Nenhum comentário:

Postar um comentário