terça-feira, 24 de novembro de 2020

Grande Silêncio

 

Grande Silêncio

- É a Noite Santa.

- Filhos prediletos, passai-a Comigo, na alegre recordação dos momentos que vivi enquanto se preparava o Nascimento no Tempo do Verbo do Pai, do Verdadeiro Filho de Deus.

- Um Misterioso Silêncio assinalava o desenvolver-se deste Grande Mistério de Amor.

- Uma doce harmonia de paz envolvia a Minha Pessoa Virginal, chamada a abrir-se ao Dom Materno do Filho.

- Um Grande Silêncio envolvia o cumprimento deste Divino Mistério.

- Enquanto o Silêncio envolvia todas as coisas, a Palavra Eterna do Pai desceu, no meio da noite, como orvalho sobre o mundo, chamado a acolher o Seu Divino Rebento.

- Sobre este Grande Silêncio, eis que se abrem as vozes celestiais dos Anjos e os corações dos Pastores, que sabem compreender o que está escondido dos grandes.

- O mesmo deve acontecer em cada encontro com o Verbo que Se faz Carne na vida de cada um de vós.

- O mesmo deve acontecer no vosso encontro cotidiano com o Meu Filho Jesus.

- O mesmo deve acontecer no Natal que sois chamados a viver cada dia, acolhendo com amor, no vosso coração e na vossa alma, o Senhor que vos salva e vos conduz a paz.

- O mesmo deverá acontecer também na Sua Segunda Vinda, quando Ele voltar no esplendor da Sua Divindade e vier sobre as nuvens do Céu para instaurar o Seu Reino na Glória.

- É preciso um Grande Silêncio ainda hoje para compreender o desígnio secreto de Deus e para saber ler os Sinais dos Tempos em que viveis, que vos anunciam o Seu próximo retorno.

- Abri os vossos corações a humildade, a simplicidade, ao candor dos pequeninos.

- Perseverai na oração e na confiança.

- Vivei cada dia, com a vossa Mãe Celeste, o vosso Perene Natal, que agora se perpetua no tempo, para a alegria e a salvação de todos.

MSM-Movimento Sacerdotal Mariano / Padre Stefano Gobbi / 24.12.85

Clique aqui e veja também:

O Amor não é amado

Mistério da Anunciação

Metanóia Cristã

 “Senhor, que vosso Amor, Sofrimento e Sangue derramado,

não tenha sido em vão pelas nossas almas e

pelas almas dos Sacerdotes, Filhos Prediletos de Nossa Senhora.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário